Conheça o Condomínio Club West Aruanã

18/10/2011

Crédito imobiliário bate recorde no primeiro semestre

As operações de crédito imobiliário feitas com recursos da poupança atingiram o valor recorde de R$ 37 bilhões no primeiro semestre, que representa expansão de 55% em relação ao mesmo período de 2010. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira pela Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip).


Nos seis primeiros meses do ano até junho, foram financiados 236,5 mil imóveis pelo sistema, volume 26% maior em relação ao mesmo período de 2010.
Apenas em junho, os financiamentos atingiram  46,5 mil imóveis no País, um aumento de 13,8% em relação a junho do ano passado e de 1,6% sobre maio – que também havia registrado recorde mensal, com 45,7 mil unidades contratadas.
As cadernetas de poupança mostraram recuperação em junho, com captação líquida de R$ 1,2 bilhão após dois meses consecutivos de resgates. Segundo Abecip, foi o melhor resultado do ano para a aplicação.
Meta anual será superada
O presidente da Abecip, Luiz Antônio Nogueira França, disse hoje que a estimativa de expansão do crédito imobiliário com recursos da poupança em 2011, de R$ 85 bilhões, será superada.
"Historicamente o segundo semestre é mais forte que o primeiro. Além disso, nos primeiros seis meses do ano já cumprimos perto de 45% dessa meta, sendo que normalmente atingimos apenas 40%", explicou, sem especificar uma nova meta.
Para 2011, a entidade confirma a expectativa de um crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em torno de 4%, manutenção do nível de emprego, crescimento da massa salarial, com bancos focados no crédito imobiliário e a indústria da construção prevendo aumento da atividade. A Abecip estima ainda um avanço de 28% no número de unidades financiadas neste ano, para 540 mil.
Fonte: IG/SP